quarta-feira, julho 13, 2005

Tributo a todos os patinadores

Gratifica-me ver que ainda há pessoas boas. Presto aqui e agora o meu tributo a todos os atletas que honradamente treinam e lutam pela Patinagem Artística.

Precisamos cada vez mais da credibilização da patinagem artística portuguesa e o seu rosto são os seus agentes. Precisamos de quem defenda os patinadores e os seus técnicos.

Tenho escrito que sem a credibilização da Patinagem não é possível a evolução e a harmonia. Corremos o risco de um regresso a um certo barbarismo. Vamos acreditar em quem?

Sonata piano nº 14 (1801), de Beethoven

Da vida vimos e à vida vamos
por esta mágoa de morte em que nos lemos.
Irmos é esperarmos.
E vir por onde vimos esquecermos.

E em vindo ou indo, se nos iluminamos,
exalta a cruz os signos em que vemos
irmos ou virmos em ainda estarmos
sendo pensados nos hinos e em os lermos.

E quando em vir esquecia acende-se na frente
de irmos; e ir se apaga na esperança.
Mas não na cruz ardente
que designa os signos na mudança
de serem lidos no cume do repente
se a solidão o estuda e no vagar o alcança.

Fernando Echevarria

7 Comments:

Anonymous Anónimo said...

bonito o poema. agradavel a musica.
no dia em que este desporto estiver virado para os atletas tudo vai mudar

5:35 da tarde WEST  
Anonymous Choctaw said...

Bonito. Muito bonito... estou certo de que a responsabilidade da verdade a todos obrigará, um dia - quem sabe! - quem sabe... E felizes são aqueles que conseguem viver com as infelicidades da vida!

10:00 da tarde WEST  
Anonymous Anónimo said...

Um pequeno conselho...ouçam a música...leiam o poema...e certamente escreverão coisas mais bonitas do que as que escrevem...a PATINAGEM merece...

Filipe

1:40 da manhã WEST  
Anonymous Anónimo said...

(Para começar a ler ao 15.º tempo da musica)
(artisticamente falando) estou seco.
ouço a musica e peco:

Se vou à vida, qual cruz ardente,
Apenas quero a frente.

No vagar do tempo
vejo pouca esperança,
pois os estágios a destempo
levam os atletas à matança.
Um ex (eternamente)

11:41 da manhã WEST  
Anonymous Anónimo said...

Tenho um descendente a patinar e eu como pai que gosta de patinagem por vezes custa-me encentivar o atleta a treinar, e depois chegam os campeonatos e é o que se vê. Eles privan-se de ter as regalias que os seus colegas de escola têm enquanto eles passam a vida a treinar todos os dias com temperaturas elevadas ou baixas até da dó.
Mas acho que os próprios atletas se começam a adaptar ao sistema que têm.

5:54 da tarde WEST  
Anonymous Anónimo said...

É por se adaptarem a este miserável sistema de incompetentes que depois quando chegam a juniores e seniores estão com várias depressões e com vontade de mandar tudo à m...

meleca.

11:28 da manhã WEST  
Anonymous Anónimo said...

eu diria mais...
só mesmo as pessoas desiquilibradas é que conseguem aguentar este sistema federativo.

Querem uma sujestão?????

Mudem todos os campeonatos para julho para depois das aulas.

1:58 da tarde WEST  

Enviar um comentário

<< Home

Free Hit Counters
Free Counter